Suplementos que emagrecem

Desvende os segredos dos comprimidos, cápsulas e saquetas que ajudam a perder peso

As fórmulas dos produtos para emagrecer têm como objectivos gastar as reservas de energia, dissipando-a em forma de calor, e queimar a gordura que está em excesso no organismo, impedindo que esta se acumule.

Mas será que garantem mesmo resultados positivos?

Os suplementos para emagrecer são eficazes, com algumas reservas, afirma a nutricionista Alva Seixas Martins. Para se obter resultados positivos, têm de ser adaptados à situação clínica de cada indivíduo, possuírem a dose certa das substâncias usadas e serem formulados de forma a serem absorvidos rapidamente pelo organismo, explica. Para esta especialista, a razão pela qual a maior parte dos suplementos não funciona está associada ao facto dos rótulos nem sempre serem exactos. O que acontece é que alguns laboratórios não usam as quantidades recomendadas para que as substâncias activas produzam efeito, por ser mais dispendioso, acrescenta.

Ingredientes-chave

A cafeína e as fibras são os princípios activos que melhores resultados têm demonstrado nos estudos científicos sobre estes produtos. A primeira, se for usada correctamente, reduz o apetite e favorece a termogénese, enquanto as fibras solúveis promovem a saciedade, o que faz com que a pessoa não sinta necessidade de comer entre as refeições, revela Alva Seixas Martins. O extracto de pinhão e o de chá verde também se têm revelado eficazes na luta contra a balança mas, de acordo com a nutricionista, são necessárias mais provas sobre a sua eficácia.

Duração do efeito

É durante o primeiro mês da ingestão dos suplementos para emagrecer que os resultados são mais positivos. Têm um efeito de curta duração que deve ser aproveitado para motivar as pessoas no início de uma dieta, sublinha. Quando se vê resultados rápidos, mais vontade se tem de continuar os hábitos alimentares salutares e a prática de exercício físico, factores essenciais para a perda de peso, assegura. Deste modo, o período de transição para um estilo de vida saudável é facilitado.

Contra-indicações

Os suplementos estão apenas desaconselhados a grávidas, doentes crónicos, jovens e idosos. Deve contudo ter em atenção que podem interferir com medicamentos que a pessoa esteja a tomar, ou seja, um pode anular o efeito do outro ou provocar intoxicações devido à presença excessiva de determinada substância no organismo, sublinha Alva Seixas Martins. Daí que seja recomendável que a ingestão destes produtos seja feita sob acompanhamento médico. Só assim se pode evitar essas interacções, bem como as intolerâncias, pois há quem recorra a estes suplementos sem verificar se é alérgico aos componente que os constituem, alerta a nutricionista.

Texto: Rita Caetano com Alva Seixas Martins (nutricionista)
Saber Viver – http://mulher.sapo.pt/

Anúncios

Website: nutricaosadia.com

Dr. Vinícius Graton é Nutricionista atuante na Nutrição Clínica & Nutrição Esportiva. Em Uberlândia/MG atende na Clínica Renova - Rua Bernardo Guimarães 417 - Bairro Fundinho. Contato (34) 3255-1237 ou 3231-8655. Para Assessoria Online envie WhatsApp (34)98407-3617

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: