Passar fome apenas atrabalha seu metabolismo

Fome, fome e mais fome. Essa é a principal sensação das pessoas que decidem entrar para o regime sem conhecer as necessidades do organismo. Com isso, a quantidade de calorias fica cada vez mais escassa e o metabolismo começa a trabalhar bem devagar, para economizar forças. E o resultado disso não é nada animador, o dia fica longo demais, suas energias e seu ânimo são reduzidos a cinzas e o seu corpo não consegue acabar com as gorduras extras.

Outro problema de passar tanto tempo sem comer está relacionado com a quantidade de alimentos que você acaba consumindo na próxima refeição. Seu corpo está tão necessitado de alimentos que é impossível se saciar com pequenas quantidades. E o resultado mais uma vez não é nada animador, um prato carregado de alimentos, muitas vezes, recheados de calorias e gorduras.

A nutricionista do MinhaVida Karina Gallerani, não brinca quando fala em jejuns prolongados. “Passando fome, você consegue ficar de mau humor, cansado e até doente. Mas, certamente, não consegue emagrecer. Dois lanches intermediários já são suficientes para garantir um melhor andamento do organismo, basta estipular horários para cada um deles. Um no meio da manhã e outro durante a tarde são essenciais”.

Metabolismo

Entender como funciona o seu metabolismo é essencial para perceber a importância e os benefícios de se alimentar durante as principais refeições. O organismo trabalha com reservas e, quando o tempo entre as refeições acaba sendo muito longo, essas reservas vão se esgotando. Com o organismo fraco e debilitado, a pessoa pode desenvolver infecções e, em casos graves, inanição. Além disso, os transtornos alimentares, como a anorexia, estão diretamente associados à prática de jejuns prolongados.

Beliscar

É importante lembrar que passar o dia todo beliscando alimentos não significa colaborar com o regime. Aliás, isso é bem diferente dos princípios de uma alimentação fracionada. “Para conseguir um resultado positivo é preciso estipular horários para as refeições principais e para os lanches que recheiam os intervalos entre elas. E essa é uma atitude fundamental para não cair na armadilha de beliscar o dia todo. Esse é um hábito comum entre pessoas acima do peso. A agravante é que, normalmente, os alimentos escolhidos para os petiscos são carregados de açúcares, gorduras e sal, mostrando os perigos à balança”, diz Karina.

O conselho da nutricionista para se manter no meio termo da balança é, além de montar uma rotina alimentar com horários certos para realizar as refeições, prestar atenção na qualidade dos alimentos que participam dos seus pratos

Saúde

Os benefícios de fracionar a alimentação são enormes, e não só para o regime. Nossa nutricionista afirma que ela ajuda a eliminar alguns problemas como gastrite. “Além de ser importante para o regime, a alimentação fracionada garante uma vida mais saudável e equilibrada. Essa atitude traz benefícios para pessoas que sofrem com problemas como gastrite, diabetes, colesterol alto e refluxo, por exemplo.”

Outro problema que envolve as horas em jejum são dores de cabeças constantes. “O cérebro não tem qualquer reserva energética e, por isso, independente do estado nutricional é necessário que haja um suprimento de glicose, presente nos alimentos fontes de carboidratos. Situações de hipoglicemia, por exemplo, geram uma redução dos níveis de glicose sanguínea, acarretando perturbações no funcionamento do sistema nervoso central que vão desde cefaléia até a dificuldade de fala.

Benefícios

Só a idéia de acabar com o sofrimento de passar horas e horas sonhando com um pouco de comida já é o bastante para optar pelos lanches entre as refeições, não é mesmo? Mas não pense que os benefícios param por ai. A nutricionista do MinhaVida afirma que optar por lanches saudáveis é uma atitude que acelera o processo do regime, além de garantir uma saúde de ferro. “Essa pequena quantidade de alimentos entre as refeições permite um maior equilíbrio de nutrientes fazendo com que a quantidade de energia de cada refeição seja mais adequada, e isso evita os exageros nas principais refeições”.

Anúncios

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: